Rondônia, - 22:59

 

Você está no caderno - Notícias da Justiça e do Direito
condenação contra JBS em Rondônia
Justiça mantém condenação contra JBS em Rondônia
Os desembargadores também mantiveram a condenação que obriga o pagamento mensal de pensão alimentícia à família.
Publicado Terça-Feira, 21 de Setembro de 2021, às 08:53 | Fonte da Redação 0

 
 

Divulgação

A Justiça de Rondônia manteve na última semana a condenação da empresa JBS/SA ao pagamento de danos morais e pensão alimentícia à esposa e filha de um motociclista vitima em um acidente de trânsito que envolveu uma carreta da empresa condenada.

 

O acidente ocorreu no dia 21 de agosto de 2018. O motorista da carreta fez uma conversão à esquerda para entrar no pátio do frigorífico, quando atingiu um motociclista que estava trafegando na via.

 

A empresa entrou com recurso da primeira condenação alegando que o caminhão trafegava em velocidade compatível, realizou a manobra com atenção e não havia nenhuma sinalização que o proibisse. Afirmou, também, que o acidente ocorreu por culpa exclusiva da vítima, em razão do excesso de velocidade.

 

O relator do processo, desembargador Marcos Alaor Grangeia, ressaltou, no entanto, que a causa determinante do acidente foi o desvio à esquerda realizado pelo condutor da carreta quando as condições de tráfego não eram apropriadas, o que resultou na colisão com a motocicleta.

 

Disse ainda que o parecer técnico-pericial da empresa informa que a orientação aos motoristas é que façam o contorno mais à frente para retornar e entrar nas dependências da JBS, o que não foi seguido pelo caminhoneiro.

 

Na condenação ficou definido que a empresa pagará uma indenização por dano moral à esposa e filha no valor de R$ 40 mil.

 

“No caso em questão, estamos diante da perda do marido e pai, provedor e presença masculina na vida da filha, perda essa que certamente afeta o emocional da pessoa por longo tempo”, destacou o relator.

 

Os desembargadores também mantiveram a condenação que obriga o pagamento mensal de pensão alimentícia à família. Em relação à pensão da filha, o pagamento deverá ocorrer até a idade de 24 anos, quando possivelmente ela terá concluído a formação escolar e universitária. A esposa receberá até a data em que a vítima completaria 72 anos de idade, que é a expectativa de vida adotada pela jurisprudência.

 

A JBS informou que não comenta processos judiciais em andamento.

Fonte:  G1 RO



Veja também em Notícias da Justiça e do Direito


Ministro do STJ afasta por 6 meses governador do Tocantins
Mauro Carlesse é investigado em esquema de pagamento de propina...


Deputados devem retirar três trechos da PEC que altera a composição do CNMP
Associações são contra a proposta que tramita na Câmara sobre mudanças no Conselho Nacional do Ministério Público...


Busca ativa: Vara de Proteção à Infância se mobiliza para encontrar um novo lar para Yasmim
Há pelo menos 3 anos, Yasmin vive em uma das instituições judiciais destinadas ao abrigo de crianças....


CPI da Energisa: Investigação detectou irregularidades em 15 mil medidores de energia em MT
De acordo com Avallone, o grupo de fiscalização está trabalhando desde o segundo semestre de 2020....

 
      

2021 - ARIQUEMES ONLINE - Informação Sem fronteiras
© 2007 - 2021 • Ernesto & Eugenio Comunicação

E-mail: [email protected]
Fone: (69) 9 9967-8787 (WhatsApp)
Ariquemes - Rondônia - Brasil

Política de privacidade e uso





 

Publicidade:::

 
 
 
Ariquemes Online