Rondônia, - 16:37

 

Você está no caderno - Variedades
Ultimas Noticias
Wesley Safadão é acusado de financiar perfis para detonar artistas
O forrozeiro protestou contra as acusações: ''Vamos supor menos e nos certificar mais''
Publicado Quinta-Feira, 29 de Agosto de 2019, às 14:14 | Fonte Metropoles 0

 
 

AGNEWS

Na noite de quarta-feira (28/08/2019), o jornalista Erlan Bastos divulgou, em seu canal no YouTube, um vídeo em que cita 11 perfis de fofoca do Instagram que estariam sendo “alimentados” com uma “bolsa artista”. As contas, conforme o comunicador, têm se unido para detonar famosos nas redes sociais.

No vídeo, Bastos exibiu, ainda, um CNPJ que pertenceria à empresa de Wesley Safadão, a WS Show LTDA. O discurso dá a entender que o forrozeiro é responsável por financiar mensalmente alguns instagranistas para que eles falem somente o que o cantor deseja. Além disso, haveria uma planilha para organizar os pagamentos.

Em entrevista à colunista Fábia Oliveira, do jornal O Dia, Safadão negou veementemente as acusações de Bastos. “Mais uma vez vejo meu nome envolvido em redes sociais. A partir de agora, quando eu ver algo desse tipo, irei responder, porque toda hora envolvem meu nome em polêmica, e agora mais uma fake news”, disparou.

“A gente luta tanto para construir uma carreira, aí vem uma pessoa do nada e publica coisas sem nexo algum, sem sequer checar as informações. Isso tem que acabar, galera! Tá chato! Checa a informação, checa a fonte, se certifica. Vamos supor menos e nos certificar mais!”, disse.

SAULLO BRENNER









Veja também em Variedades


Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira prêmio de R$ 120 milhões
A Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira (18) às 20h (horário de Brasília) o prêmio de R$ 120 milhões, que está acumulado pela décima segunda vez...


Superexposição pode destruir carreiras sólidas, diz empresário
A superexposição é um grande problema da atualidade e pode destruir carreiras sólidas, alerta o empresário Marcus Montenegro, CEO da Montenegro Talents...


Japão fabricará roupas a partir de garrafas de plástico recicladas
A partir da primavera do ano que vem, uma gigante japonesa do setor de roupas do Japão planeja vender produtos feitos com fibras provenientes da reciclagem de garrafas de plástico...


Uso de dinheiro público em campanhas gera discussão no Senado
Marcado inicialmente para ser votado na sessão de hoje (17), o projeto de lei (PL) que altera regras do fundo partidário ainda não tem agenda definida...

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News