Rondônia, - 15:53

 

Você está no caderno - Esportes
Esportes
EUA são desclassificados, e Brasil herda ouro no revezamento 4x100m medley misto
Equipe brasileira chega a 19 medalhas em dois dias de disputa
Publicado Sábado, 10 de Agosto de 2019, às 10:12 | Fonte Mais Esporte 0

 
 

(Foto: Abelardo Mendes Jr/ rededoesporte.gov.br)

Equipe brasileira herdou ouro com a desclassificação dos EUA no revezamento

Além do ouro de Marcelo Chierighini nos 100m livre, o Brasil fechou o segundo dia de natação nos Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru, com mais uma medalha dourada. Na prova do revezamento 4x100m medley misto, a equipe brasileira, que terminara em segundo, se beneficiou com a punição imposta aos Estados Unidos, que foram desclassificados na prova, e subiu ao lugar mais alto do pódio.

O Brasil disputou o revezamento 4x100m medley misto com Guilherme Guido, João Gomes Júnior, Giovanna Diamante e Larissa Oliveira, e levou a prata, superado pelos EUA. Os norte-americanos, no entanto, foram punidos pela organização por causa de infração cometida pelo nadador Cody Miller, em uma braçada ilegal no estilo peito.

Com isso, o Brasil ficou com o ouro na prova que entrou para o programa dos Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020. Os brasileiros marcaram tempo de 3min42seg96, enquanto o Canadá, que ficara em terceiro, subiu ao pódio com a prata e alcançou tempo de 3min49seg97. 

Minas-tenista é prata e Brasil tem medalha inédita

Guilherme Guido também foi outro nadador do Brasil que subiu ao pódio na noite desta quinta-feira. Ele conquistou a medalha de prata na prova dos 100 metros costas, com a marca de 53s54, e só foi superado pelo norte-americano Daniel Carr, com 53s50. O bronze ficou com Dylan Carter, com 54s52. No fim, Guido acabou repetindo a prata que conquistou nesta mesma prova no Pan de Toronto-2015, no qual chegou a estabelecer o recorde da competição, com 53s12.

E outro brasileiro que fechou a noite de quinta-feira com uma medalha de prata no peito foi Miguel Leite Valente, do Minas, que terminou em segundo lugar a final dos 800 metros livre. O nadador de BH cravou o tempo de 7min56s37 e superou por pouco o mexicano Ricardo Vargas, bronze ao marcar 7min56s78. Já o ouro foi obtido pelo norte-americano Andrew Abruzzo, que exibiu uma incrível arrancada no fim para triunfar com 7min54s70. O goiano Diogo Andrade Villarinho, que também é atleta minas-tenista, ficou em sexto lugar com o tempo de 8min03s17.

Viviane Jungblut conquistou bronze na final dos 800 metros livre. E a medalha acabou sendo histórica, pois o país nunca havia faturado um pódio nesta prova entre as mulheres em uma edição do Pan.

Viviane garantiu o bronze com o tempo de 8min36s04. Ela só ficou atrás da argentina Delfina Pignatiello, ouro de forma dominante, com 8min29s42, e da norte-americana Mariah Denigan, prata ao fechar a disputa em 8min34s18. Outra brasileira que participou desta final, Ana Marcela Cunha ficou em sétimo e penúltimo lugar, com o tempo de 8min48s33.

Viviane Jungblut conquistou a segunda medalha de bronze neste Pan em Lima. A gaúcha ficou em terceiro lugar na prova de maratona aquática de 10km, em dobradinha no pódio com Ana Marcela Cunha, que levou o ouro. As duas nadadoras disputaram a final dos 800m, e Viviane fez história também ao faturar pódios em águas abertas e na piscina.

Com o desempenho desta quinta, são 19 medalhas do Brasil na natação deste Pan. E no quadro geral de medalhas em Lima-1019, o país se firmou ainda mais na segunda posição na classificação geral, com 35 ouros, 29 pratas e 51 bronzes, totalizando 115 pódios. Os Estados Unidos, com 84 ouros, 68 pratas e 55 bronzes, são os líderes disparados, com 207 ao total. O México (27-24-46) e um total de 97 ocupa o terceiro lugar.







Veja também em Esportes


WSL divulga calendário de 2020 com etapa em Saquarema de 18 a 27 de junho
Próxima temporada contará com 11 etapas na disputa para os surfistas, uma a mais do que o evento para mulheres ...


América é superado pelo Sesc-RJ e estreia com derrota em casa na Superliga Masculina
Time mineiro jogou desfalcado de dois titulares e não conseguiu reagir ...


Brasil fecha dia com 6 medalhas e está em 3º no Mundial de Atletismo Paralímpico
País terminou o dia em terceiro lugar no quadro de medalhas, com 16 pódios no total ...


Guardiola não descarta possibilidade de treinar um clube italiano
Um dos principais treinadores da história do futebol, o espanhol Pep Guardiola, atual comandante do Manchester City, não descartou a possibilidade de, um dia,.....

 
      

2019 - ARIQUEMES ONLINE - Informação Sem fronteiras
© 2007 - 2019 • Ernesto & Eugenio Comunicação

E-mail: [email protected]
Fone: (69) 9 9967-8787 (Operadora Oi - WhatsApp)
Porto Velho - Rondônia - Brasil

Política de privacidade e uso






 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News