Rondônia, - 14:00

 

Você está no caderno - INTERNACIONAL
Internacional
Três orcas em cativeiro na Rússia transportadas rumo à libertação
Os animais estavam destinados a serem vendidos para o estrangeiro, nomeadamente parques aquáticos na China
Publicado Quinta-Feira, 11 de Julho de 2019, às 11:57 | Fonte Expresso – Portugal 0

 
 

DMITRY YEFREMOV/GETTY IMAGES

Três orcas mantidas em cativeiro durante meses em tanques no extremo oriente da Rússia foram esta quinta-feira carregadas em camiões especiais com vista à libertação, noticia esta quinta-feira a AFP.

A divulgação, em fevereiro, de fotografias de 11 orcas e 93 belugas amontoadas desde 2018 em pequenas piscinas perto da vila de Nakhoda, a 200 quilómetros de Vladivostok, desencadeou uma vaga de protestos internacionais.

Os animais estavam destinados a serem vendidos para o estrangeiro, nomeadamente para parques aquáticos na China. No final de junho, um primeiro grupo de duas orcas e seis belugas foi transportado a cerca de mil quilómetros e deixado em liberdade no ambiente natural no mar de Okhotsk, no Oceano Pacífico.

Os três mamíferos retirados esta quinta-feira dos tanques deverão conhecer a mesma sorte. Segundo a agência francesa, os mergulhadores intervieram nas piscinas, onde usaram redes para içar as três orcas e colocá-las a bordo dos camiões dotados de aquários.

Gritos de outros cetáceos mantidos noutros tanques foram audíveis. A imprensa não foi autorizada a entrar na instalação. Quando da primeira operação de libertação, os especialistas denunciaram a ausência de uma observação independente.

De acordo com os cientistas, o grupo de orcas deveria ter sido libertado em conjunto porque se relacionou durante a detenção. Mas o Instituto de Oceanografia da Rússia, que supervisionou as libertações, considerou esta possibilidade muito onerosa.

Uma petição no site change.org a exigir a libertação dos animais recolheu mais de 1,5 milhões de assinaturas, entre as quais as de celebridades como o ator norte-americano Leonardo DiCaprio.

A Rússia é o único país no mundo a autorizar a captura e a venda de orcas e de belugas para aquários, uma prática controversa tornada possível graças a falhas jurídicas que as autoridades prometeram corrigir.

LUSA
 







Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em INTERNACIONAL


Renuncia embaixador do Reino Unido nos Estados Unidos
A renúncia ocorreu depois de polêmica sobre vazamentos ...


Países europeus pedem reunião urgente sobre o Irã
Eles acusam o Irã de ser incosistente com seus compromissos ...


Negociadores de China e EUA retomam conversas, diz comunicado
Eles tentam resolver disputa comercial ...


Pelo menos 63 pessoas detidas enquanto tentavam fugir de Myanmar
A maioria dos detidos eram de campos situados perto de Sittwe, capital do estado ocidental de Rakhine ...

 




 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News