Rondônia, - 04:19

 

Você está no caderno - Artigos
Capital digital, uma promessa
Capital digital, uma promessa
O evento Campus Party Rondônia, a se realizar em Porto Velho, surge como a promessa de grande happening: uma espécie de “Woodstock”..
Publicado Sábado, 28 de Julho de 2018, às 05:23 | Fonte Carlos Sperança 0

 
 

 

O evento Campus Party Rondônia, a se realizar em Porto Velho, surge como a promessa de grande happening: uma espécie de “Woodstock” científico propício aos interesses da juventude do século XXI.

Já são tantas atrações previstas que há o risco de ao destacar uma cometer injustiça com outras de igual valor, mas a realização do 1º Fórum Internacional da Amazônia Sustentável merece um primeiro destaque nessa promoção que até o encerramento encherá a imprensa de manchetes.

Resultado de uma parceria do Instituto Campus Party com o Sebrae e o governo do Estado, o Fórum cabe no interesse de qualquer cidadão preocupado com o futuro desta região. Sustentabilidade não deve ser um palavrão, no sentido de palavra grande, mas a afirmação de um modelo de desenvolvimento que aproveite o potencial da terra, proteja o que deve caber às futuras gerações e traga mais justiça social.

Além da pauta do Fórum, diversificada, focando bons temas, tais como o acesso à tecnologia nos grupos de risco social, comunidades e jovens na Amazônia, o Campus Party seduz a comunidade pela promessa do presidente do ICP, Francesco Farruggia: “Não escolhemos Porto Velho por acaso. O objetivo é converter RO na capital digital da Amazônia”.

………………………………..

Domingo decisivo

Com uma penca de partidos realizando as convenções nestes sábado e domingo, teremos grandes emoções, torcida brasileira. Até as vésperas dos eventos, neste dia 29, há o temor de indefinições, da escolha dos candidatos a vice governador a coligações para as nominatas da Assembléia Legislativa e Câmara dos Deputados. Existe também expectativa da unificação de alianças.

O punhal da traição

O punhal da traição é outro motivo de expectativas para as convenções de domingo. O jogo de conveniências e o ajuste das candidaturas em condições de sucesso (Na verdade é cada um pensando no próprio umbigo) vai reger as composições. Tem político já traindo a própria vó pára obter a viabilidade de se eleger. Nada diferente que não ocorra em outros pagos.

Um perfil jovem

Não é a toa que candidatos mais jovens se elegeram a Câmara dos Deputados na eleição passada e foram campeões de votos, casos de Mariana Carvalho, Marcos Rogério e Expedito Neto. O perfil do eleitorado rondoniense é jovem e isto também esta refletindo nas urnas e nesta campanha, temos outros jovens favoritos na temporada para ALE e Câmara dos Deputados.

Ieda vem aí

Até dois meses atrás o lançamento da candidatura da primeira dama Ieda Chaves a Câmara Federal poderia ser considerada uma sandice tal o desgaste do prefeito Hildon durante o inverno amazônico (a estação das chuvas). Mas de lá para cá o cenário mudou muito e o alcaide recuperou boa parte do prestigio e o período de sol embala as obras municipais até outubro, aumentando o cacife da candidata.

No prejuízo

A aliança PSDB/PSD precisa de reforços na coligação para eleger Mariana Carvalho e Expedito Neto. Ieda seria o reforço decisivo nesta parada. No entanto, mais a frente vai se perceber que Ieda – com grande trabalho na ação social, lembrando Ivone Cassol quando na função de primeira dama no estado – pode se transformar numa rival de Mariana. E aí, de coadjuvante pode se transformar numa predadora…

 







Veja também em Artigos


O caldeirão de Brasília + Mesa de negociações + Melhor ano de Hildon + Redução salarial
Antes mesmo de assumir, o ministro Paulo Guedes estava disposto a pôr abaixo a Zona Franca de Manaus...


O Dia da Caça + Nossos prefeitos + A desmoralização do PSL + As conversações políticas
Se não fosse por um acidente em que fraturou o quadril, poucos saberiam que o então rei Juan Carlos I da Espanha gostava de caçar elefantes em Botsuana,.....


Empreendedores têm receita para fazer estado e país crescerem + Aliança: quem vai mandar em Rondônia? + Custo da energia: Sebrae entra na briga
MAIS VALORIZAÇÃO, MENOS BUROCRACIA: EMPREENDEDORES TÊM RECEITA PARA FAZER ESTADO E PAÍS CRESCEREM ...


Projeto Amazônia+21 + Parada difícil para Laerte Gomes + Hildon e seu jogo de estratégia
Brasília, 30 de outubro, Confederação Nacional da Indústria (CNI), abertura do projeto Amazônia+21...

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News