Rondônia, - 02:12

 

Você está no caderno - Notícias da Região Norte
Conhecimento
Uepa abre inscrições para quatro cursos livres de Música
O Curso de Licenciatura Plena em Música da Universidade do Estado do Pará (Uepa) abriu na quinta-feira (28) as inscrições para os Cursos Livres de Música para Canto Coral, Teoria Musical, Flauta Doce e Violão, cujas aulas começarão no dia 10 de abril.
Publicado Sexta-Feira, 30 de Março de 2018, às 11:28 | Fonte Governo do Pará 0

 
 

As técnicas básicas do violão, com aulas em grupo e atividades criativas, fazem parte do curso livre oferecido pela Uepa

 

O Curso de Licenciatura Plena em Música da Universidade do Estado do Pará (Uepa) abriu na quinta-feira (28) as inscrições para os Cursos Livres de Música para Canto Coral, Teoria Musical, Flauta Doce e Violão, cujas aulas começarão no dia 10 de abril. A iniciativa, que faz parte do Projeto Música na Comunidade, recebe inscrições até 5 de abril (quinta-feira), exclusivamente pela internet, por este link. São oferecidas 230 vagas, para os turnos da manhã, tarde e noite, gratuitamente.

As matrículas serão realizadas na coordenação do Curso de Licenciatura em Música, no Centro de Ciências Sociais e Educação (CCSE), na Travessa Djalma Dutra, s/n, entre Rua do Una e Municipalidade, em Belém. Os inscritos devem apresentar os seguintes documentos, originais e cópias: carteira de identidade; carteira de identidade do responsável, no caso de menores; comprovante de endereço com CEP e ficha de inscrição preenchida (digitada ou manuscrita de forma legível).

A seleção será realizada a partir das primeiras inscrições até atingir o número de vagas disponíveis. O candidato deverá consultar o resultado no dia 06 de abril, no mesmo site das inscrições.

O Projeto Música na Comunidade foi idealizado pela coordenação do Curso de Licenciatura em Música, e visa proporcionar o acesso à formação musical à comunidade de baixa renda, abrangendo conhecimentos teóricos, práticos e técnicos instrumentais, além do canto.

Saiba mais sobre os cursos:

Canto Coral (adulto)– destinado a pessoas interessadas no conhecimento preliminar sobre técnica vocal, com idade mínima de 16 anos. Os alunos desenvolverão não só as técnicas de canto no geral, como também as técnicas de canto em conjunto, como afinação, definição de naipe, abertura de vozes e ajuste vocal. O curso é gratuito e será iniciado no dia 10 de abril de 2018, com turmas às terças-feiras - 40 vagas.

Flauta Doce (infantil/adulto)– oferece o aprendizado da música desenvolvendo a percepção musical, por meio da flauta doce, para alunos a partir de 09 anos de idade. O aluno deve possuir o instrumento. O curso é gratuito e será iniciado no dia 10 de abril de 2018, com turmas às terças-feiras – 15 vagas para cada turma.

Teoria Musical – o objetivo é a formação básica em leitura e escrita musical, envolvendo atividades de solfejo e ditados rítmicos melódicos. É destinado para alunos com idade mínima de 16 anos. O curso é gratuito e será iniciado no dia 10 de abril de 2018, com turmas às terças-feiras, das 19 às 21h30 horas – 40 vagas.

Curso de Violão (iniciantes, intermediário) – oferece contato com as técnicas básicas do violão, com aulas em grupo e atividades criativas, para alunos com idade mínima de 12 anos. Os alunos devem trazer o seu próprio violão com cordas de nylon. O curso é gratuito e será iniciado no dia 10 de abril de 2018, com turmas às terças-feiras – 15 vagas para cada turma.

Por Fernanda Martins

 









Veja também em Notícias da Região Norte


Tacacá na Bossa Especial Carnaboi reunirá todos os levantadores de toadas
...


Com quatro casos já confirmados em Manaus, FVS instala Sala de Resposta Rápida para Surto de Sarampo no Estado
A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), órgão da Secretaria de Estado de Saúde (Susam), instalou, na manhã deste sábado (24/03), a Sala Estadual de Resposta Rápida para Surto de Sarampo....


Governo moderniza Defensoria Pública do Acre
...


Sesau oferece testes rápidos de infecções sexualmente transmissíveis
O Governo do Estado começou a promover ações de saúde aos imigrantes venezuelanos, que atualmente vivem em abrigos ou são moradores de rua, a fim de detectar possíveis Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs). ...

 


ads2507



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News