Rondônia, - 10:21

 

Você está no caderno - Rondônia
preço do peixe em ji-paraná
Covid-19 e rio baixo elevam preço do peixe em Ji-Paraná
O presidente da Colônia Z-9, lembrou que isso é a consequência do Período Defeso
Publicado Quarta-Feira, 27 de Janeiro de 2021, às 09:16 | Fonte Diário da Amazônia 0

 
 

Divulgação

A pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), atrelado à baixa dos rios que abrangem o município de Ji-Paraná, neste início de inverno Amazônico, vem causando o aumento nos preços de peixes tanto nas feiras livres, quanto nos supermercados da cidade. Tambaqui, Pintado e Pescada, lideram a elevação dos valores cobrados. A informação foi prestada nesta terça-feira (26), pelo presidente da Colônia de Pescadores Z-9, Manuel Batista.

 O presidente, que também foi acometido pelo novo Coronavírus, estando em recuperação, e já saindo da quarentena, disse que até a sede administrativa da Colônia dos Pescadores, teve que ser fechada, devendo retornar o atendimento aos seus associados a partir da próxima segunda-feira, primeiro de fevereiro. Manuel Batista lembrou que os pescadores estão proibidos de realizar a pesca em decorrência do Período Defeso que começou em 15 de novembro e se estende até 15 de março. A colônia conta com 80 associados das cidades de Ji-Paraná, Ouro Preto, Jaru, Presidente Médici e Cacoal. “Com o rio ainda com nível baixo, o peixe encontra dificuldade para fazer a desova”, afirmou.

Benefícios

Sobre os benefícios, Manuel Batista lamentou que alguns associados ainda não conseguiram receber os benefícios, referente ao ‘Período Defeso’ 2019/2019. Já este ano, alguns benefícios foram liberados (35); dez apresentaram problemas na documentação, e os demais em análise.

Sobre a alta nos preços do peixe, praticados atualmente, em Ji-Paraná, o presidente da Colônia Z-9, lembrou que isso é a consequência do Período Defeso, a pandemia do novo Coronavírus, e consequentemente, o estoque guardado pelos pescadores, caso contrário, o consumidor já estaria sentindo falta do pescado. Alguns dos valores praticados atualmente, são: Pintado, R$25 (quilo); Tambaqui, entre R$13 e R$15; Pescada, R$18.00 e o Jau, entre R$18 e R$20. “Nossa esperança de melhores é a chegada da vacina para a população de forma geral”, declarou.







Veja também em Rondônia


Dr. Neidson cobra providências urgentes do DNIT para evitar alagamento da ponte sobre o Rio Araras
Nesta semana, o deputado Dr. Neidson (PMN), através de ofício ao superintendente do Departamento Regional de Infraestrutura e Tranportes (DNIT-RO)......


Polícia Militar lança aplicativo “PMRO Cidadão” para otimizar atendimento à população rondoniense
Como forma de otimizar o serviço de Segurança Pública à comunidade rondoniense, o Governo de Rondônia, por meio da Polícia Militar (PM), lançou o aplicativo “PMRO Cidadão”, que permite, por intermédio de tecnologia facilitar o trâmite de denúncias,...


DER executa recapeamento asfáltico na RO- 470; trecho interliga Vale do Paraíso à BR-364
O Governo do Estado, por meio do Departamento Estadual de Estradas de Rodagem e Transportes (DER-RO), iniciou o mês de março com mais trabalho e ação nas rodovias estaduais, entre elas, a RO-470......


Decreto 25.853 reforça medidas sanitárias em estabelecimentos para conter o avanço do coronavírus em Rondônia
Em atenção ao novo Decreto nº 25.853, de 2 de março de 2021, medidas de prevenção e enfrentamento à Covid-19 foram reforçadas em Rondônia......

 




 
Pub
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News