Rondônia, - 08:53

 

Você está no caderno - POLÍTICA
Judiciário
Amazonas corre o mesmo risco do Amapá com os apagões, alerta Serafim
O deputado estadual Serafim Corrêa (PSB) chamou a atenção, nesta quinta-feira (19), para a necessidade de regulamentação e fiscalização periódica de transformadores responsáveis...
Publicado Quinta-Feira, 19 de Novembro de 2020, às 15:56 | Fonte ALE/AM 0

 
 

Marcelo Araújo

O deputado estadual Serafim Corrêa (PSB) chamou a atenção, nesta quinta-feira (19), para a necessidade de regulamentação e fiscalização periódica de transformadores responsáveis pelo abastecimento de energia elétrica. O alerta, feito da tribuna virtual da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), veio após a explosão do transformador em Amapá, que há 17 dias deixa o estado às escuras.

“Há 17 dias o Amapá está sem energia elétrica. Se isso tivesse acontecido no Rio de Janeiro, em São Paulo ou em Brasília já tinham dado um jeito, mas como é no Amapá, como é na Amazônia, ninguém liga para nada. A empresa responsável pelo abastecimento é privada, espanhola, que está em recuperação judicial e que levou 11 meses para fazer a manutenção de um transformador. Como não concluiu, terminou que o transformador explodiu”, lamentou o deputado.

Para o parlamentar, o poder público, no caso a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), tem a responsabilidade de regulamentar e fiscalizar essas empresas.

“Têm outras coisas que são de responsabilidade do poder público. A primeira é a regulação e a segunda é a fiscalização. Aneel que é tão rápida para aumentar a tarifa de energia e não foi rápida para ver que tínhamos ali um caos próximo, que terminou acontecendo. Povo do Amapá merece a solidariedade de todos nós, da Amazônia para um todo, porque o tratamento que ele nos dá é bem diferente do tratamento que ele dá para o Sul”, disse.

Serafim mostrou, através de um mapa, a passagem das subestações das linhas de transmissão de Tucuruí e disse que se as autoridades competentes não tomarem providências, o problema pode se repetir daqui a alguns anos no Amazonas e o estado ficará no escuro.

“Essa linha em vermelho traz a energia da hidrelétrica de Tucuruí, atravessa o Rio Amazonas e sai uma linha para a direita que leva energia para o Amapá. Uma outra linha para a esquerda, que já chegou a Manaus e que espera levar até Roraima, mas por uma questão não resolvida envolvendo indígenas essa linha de transmissão não avançou. Da mesma forma que explodiu o transformador que vai de Tucuruí para Macapá, e de lá para todo o estado do Amapá, poderia ter explodido a outra vai para a esquerda. Aí seríamos nós, seria Manaus que estaria completamente às escuras”, alertou.

O líder do PSB na Casa Legislativa fez um apelo às autoridades estaduais, municipais e federais, à bancada de deputados e senadores para que reforcem a fiscalização para que o problema seja evitado no futuro.

“Ouso dizer que se providências não forem tomadas de imediato corremos o risco de dizer: Amapá, eu sou você amanhã.  É preciso agir, porque depois que estoura leva tempo para consertar. O presidente do Senado, David Alcolumbre, está lá [Amapá] se mexendo de todo jeito há 17 dias e não conseguiu resolver o problema. Até a eleição foi adiada.  A eleição será realizada no dia 6 de dezembro, o primeiro turno, e no dia 20 de dezembro, o segundo turno. Imaginem como estará essa cidade daqui até lá. Sofrimento do povo sem energia, perdendo alimentos e as pessoas morrendo nos hospitais com a falta de energia. Denuncio esse fato e manifesto a minha solidariedade ao povo do Amapá”, concluiu.







Veja também em POLÍTICA


Parlamentares destacaram a pandemia nos 2.530 pronunciamentos realizados em 2020
Em 214 sessões plenárias realizadas ao longo de 2020......


Wilker propõe prorrogação as cobranças de impostos durante a suspensão do comércio
Com o fechamento do comércio e a suspensão dos serviços não essenciais no Amazonas...


2020: Alepa realizou primeira transmissão ao vivo pela TV Alepa com tradução para Libras
Ao longo da semana, vamos destacar alguns acontecimentos importantes de 2020 na Casa de Leis ...


Escola do Legislativo oferta 700 vagas em curso preparatório para o Enem
Setecentas vagas estão disponíveis para o preparatório virtual da Escola do Legislativo direcionado ao Enem......

 




 
Pub
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News