Rondônia, - 13:48

 

Você está no caderno - Tecnologia e Vida Digital
TECNOLOGIA
Disney desenvolve técnica de deepfake que cria imagens em alta resolução
Em comparação com outros, método da Disney está mais próximo de gerar imagens que podem ser usadas em filmes e séries
Publicado Terça-Feira, 30 de Junho de 2020, às 08:08 | Fonte Olhar Digital 0

 
 

Os deepfakes são aqueles vídeos criados por inteligência artificial que imitam perfeitamente uma pessoa, e fazem acreditar que ela esteja realmente sendo retratada naquelas imagens. Por mais surpreendente que alguns deepfakes sejam, eles ainda têm uma certa limitação de resolução, mas um novo avanço dos estúdios da Disney pode acelerar a chegada da técnica às produções cinematográficas. Atualmente, um deepfake, por mais bem feito que seja, não consegue criar imagens com resolução superior a 256 x 256 pixels quando a ferramenta DeepFakeLab é usada. A tecnologia da Disney, em comparação, é capaz de criar imagens com 1024 x 1024 pixels. No geral, o funcionamento da tecnologia da Disney não difere muito de outros deepfakes que existem por aí, substituindo a aparência de duas pessoas ao mesmo tempo que mantém as expressões faciais. E, apesar da resolução ampliada das imagens, é bem perceptível que se trata de uma montagem, e não um vídeo real. Os pesquisadores da Disney comemoram a conquista e acreditam que, agora, estão mais próximos de conseguirem usar deepfakes para projetos comerciais. Atualmente, filmes como os Star Wars mais recentes, personagens interpretados por atores já mortos, como o caso da Princesa Leia de Carrie Fisher, foram recriados com uso de efeitos visuais tradicionais. Mas a nova abordagem é capaz de reduzir consideravelmente o tempo gasto nas produções desses efeitos.

"Por mais que esses resultados [os efeitos visuais atuais) sejam impressionantes, eles são caros de produzir e demoram meses para gerar alguns poucos segundos de imagens", explicam os pesquisadores. O uso de deepfake permitiria a produção de vídeos em questão de horas, dependendo do poder computacional disponível.
`
Portanto, por mais que os deepfakes estejam evoluindo bastante, ainda é cedo demais para pensar em ver algo do tipo sendo usado em filmes como os da Marvel, por exemplo. Mas parece inevitável que, no futuro, os deepfakes vão invadir as salas de cinema e também a telinha da nossa TV.







Veja também em Tecnologia e Vida Digital


Bactéria devoradora de metal é descoberta por acaso
Um pote de vidro esquecido em um laboratório da Califórnia permitiu a descoberta de uma bactéria que pode ser a responsável por causar entupimentos ...


Twitter lança opção de responder mensagens privadas a partir da timeline
Usuário pode acessar as mensagens e respondê-las enquanto visualiza outras publicações ...


Vida de inseto: microcâmera captura ponto de vista de besouros
Com apenas 250 miligramas (um décimo do peso de uma carta de baralho), o aparelho consegue enviar imagens para um smartphone a até 120 metros de ...


Um ingrediente das panelas Teflon ajuda a tinta branca a refletir até 98% do calor do Sol
Geralmente você não sairia na rua vestido todo de preto em pleno verão; roupas com cores mais claras ajudam a refletir o calor do Sol...

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News