Rondônia, - 15:57

 

Você está no caderno - INTERNACIONAL
Internacional
Netanyahu afirma que métodos não-letais “não funcionam” para Gaza
Publicado Quarta-Feira, 16 de Maio de 2018, às 09:37 | Fonte Revista Exame 0
https://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=348551&codDep=24" data-text="Netanyahu afirma que métodos não-letais “não funcionam” para Gaza

  
 
 

Netanyahu: ''Nós tentamos minimizar as vítimas. Eles querem que elas existam para colocar pressão sobre Israel'', disse o primeiro-ministro de Israel. (Ronen Zvulun/Reuters)

 

Washington – O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, afirmou nesta terça-feira em entrevista à emissora americana “CBS” que os métodos não-letais não funcionam para Gaza, onde ontem seu exército matou mais de 60 palestinos.

“Tentamos de todas as maneiras. Testamos todos os tipos de métodos. Você tenta métodos não-letais e não funcionam. Então te deixam com opções ruins. É um mau negócio”, afirmou o premiê israelense na entrevista gravada em Jerusalém.

Netanyahu explicou assim a morte a tiros de mais de 60 palestinos nos protestos de ontem em Gaza contra a inauguração da embaixada dos Estados Unidos em Jerusalém, que o presidente Donald Trump ordenou transferir de Tel Aviv.

Além disso, o líder israelense culpou o movimento palestino Hamas pelas mortes, ao acusá-lo de buscar vítimas.

“Nós tentamos minimizar as vítimas. Eles querem que elas existam para colocar pressão sobre Israel”, disse Netanyahu.

“Empurram civis, mulheres e crianças para a linha de fogo com o objetivo de obter vítimas”, acrescentou o primeiro-ministro israelense, que também acusou o Hamas de “pagar” aos palestinos para participar dos protestos.

“Infelizmente, estas coisas são evitáveis. Se o Hamas não os tivesse empurrado, não teria acontecido”, completou Netanyahu.

O massacre de palestinos de ontem provocou hoje várias condenações internacionais.

Em reunião de urgência do Conselho de Segurança das Nações Unidas, os Estados Unidos defenderam sozinhos a resposta de Israel aos protestos em Gaza perante uma maioria de países que questionou essa atuação. EFE

 







Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em INTERNACIONAL


Primeira grande entrevista ao presidente de Angola: “São conhecidos os que traíram a pátria”
João Lourenço, que visita Portugal na próxima semana, desafia José Eduardo dos Santos a denunciar corruptos. ...


Livros, cadeiras e até chili pelos ares: o caos no Parlamento do Sri Lanka
Os deputados tinham como objetivo travar a votação da moção de censura contra o primeiro-ministro destituído...


França. Manifestante morre em bloqueio dos “coletes amarelos” em Sabóia
Uma manifestante dos “coletes amarelos” morreu esta manhã em Sabóia, no sudeste de França. A mulher foi atropelada por uma condutora que levava a filha ao médico e, num momento de pânico, avançou com o carro contra os manifestantes dos ''coletes am...


“Coletes amarelos” provocam caos em França
Movimento “cidadão”contra aumento dos preços dos combustíveis, inédito e sem controlo político ou sindical, bloqueia mais de dois mil locais em todo o país. Ao meio do dia, números oficiais registavam um morto, 47 feridos, três deles em estado grav...

 


ADS NEWS 3




 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News