Rondônia, - 02:38

 

Você está no caderno - Artigos
artigos
Lula travando tudo
O cenário sucessório do Palácio do Planalto continua travado por conta da indefinição da prisão do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva (PT). Mesmo já considerado inelegível, o petista insiste na candidatura
Publicado Quarta-Feira, 7 de Março de 2018, às 14:02 | Fonte Carlos Sperança 0
https://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=344217&codDep=33" data-text="Lula travando tudo

  
 
 

O cenário sucessório do Palácio do Planalto continua travado por conta da indefinição da prisão do ex-presidente Luis Inácio Lula da..

O cenário sucessório do Palácio do Planalto continua travado por conta da indefinição da prisão do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva (PT). Mesmo já considerado inelegível, o petista insiste na candidatura e isto tem segurado algumas postulações como a de Ciro Gomes (PDT) – no aguardo de uma aliança – e enquanto a questão de Lula não for definida os candidatos da esquerda e centro esquerda encontram dificuldades na decolagem.

Sejam candidatos petistas para substituir Lula – o paulista Hadadd ou o baiano Jaques Wagner, por exemplo – ou Ciro Gomes acreditam que o apoio do ex-presidente será decisivo para que alcancem o segundo turno. Por isto aguardam com ansiedade um desfecho.

Se no cenário nacional as coisas estão deste jeito, em Rondônia todo mundo aguardava a desincompatibilização do governador Confúcio Moura (PMDB) para o vice Daniel Pereira assumir o poder. Mas o mandatário mudou tudo, numa grande reviravolta no cenário regional e fiará até o fim do mandato no CPA.

Na agenda

O senador Acir Gurgacz, presidente estadual do PDT tem agenda programada para Porto Velho e nos municípios da BR neste final de semana. Entre tantos assuntos na pauta pedetista esta a formação das nominatas de candidatos para Assembléia Legislativa, Câmara dos Deputados e ao Senado da República, além da política de alianças para as eleições de outubro. O partido terá reuniões regionais no estado a partir do mês que vem.

Nas fronteiras

Não é a toa que o monitoramento das fronteiras brasileiras foi para o saco nos últimos anos. Estima-se que o governo federal cortou 54 por cento dos investimentos na defesa de nossas divisas. Só em Rondônia são mais de 1000 quilômetros de porteiras abertas para o crime organizado, predominando o tráfico de drogas, de armas, de produtos eletrônicos e o contrabando de cigarros e bebidas.

Casos de malária

O governador Confúcio Moura legará bons marcos nas suas duas gestões para seu sucessor. Na área econômica, seu primeiro governo detém o recorde de 11 por cento de crescimento enquanto o Pais patinava (era a época da construção das usinas), mais recentemente Rondônia saiu do ranking das cinco capitais mais atingidas pela malária na região amazônica. Os estados AM, AC, PA, RR e AP lideram as paradas.

As convenções

Os Democratas, de Marcos Rogério, José Bianco e Adelino Folador realizam convenções nacionais nesta quinta-feira para avaliar a candidatura presidencial do deputado federal Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados. Em Rondônia, o DEM chegou a acreditar que o governador Confúcio Moura deixaria o MDB para ingressar naquela legenda, mas o que se vê é que Confúcio ficará no MDB.

Três coelhos

Em mais uma armação ilimitada da política rondoniense, o MDB matou três coelhos com uma só cajadada. Obrigou o governador Confúcio Moura a não desistir do cargo, prejudicou o projeto do vice Daniel Pereira de disputar o governo e retomou centenas de cargos comissionados que estavam sendo descartados com a mudança de governo. A articulação foi feita pra beneficiar Maurão de Carvalho, pré-candidato ao governo e Valdir Raupp que temia a concorrência de Confúcio para o Senado.

Via Direta

* Semana de ebulição na política rondoniense, mas ainda bem longe de definições para quadro de candidaturas ao governo do estado e ao Senado **Novos nomes cogitados para disputar o governo de Rondônia e ao Senado, entre eles da deputada federal Mariana Carvalho (PSDB), a pedido do presidenciável Geraldo Alckmin ** O verão esta chegando e com isto o prefeito Hildon Chaves (PSDB) poderá recuperar sua popularidade perdida no inverno amazônico.

Autor: Carlos Sperança.








Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também em Artigos


Perda e ganho de milhões nas obras de recuperação da BR-364 em Rondônia
Embora ainda se mantenham investimentos conquistados pela bancada federal de Rondônia para a BR 364, a verdade é que o governo cortará 1 bilhão de reais em investimentos, no sistema e transporte terrestre...


Crimes cibernéticos na esteira da evolução tecnológica
Não é novidade afirmar que o mundo digital trouxe inúmeros pontos positivos em nossas vidas, proporcionando enormes facilidades e benefícios às atividades diárias das pessoas e empresas, inclusive promovendo grandes avanços...


Adiado o bloqueio de bens sem autorização judicial
Recentemente, foi publicada a portaria nº 42 da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN), alterando a norma que permite o bloqueio de bens de devedores inscritos na dívida ativa da União sem autorização judicial. ...


Amazônia: açaí, café e inovação
Em seu artigo 163, a Constituição harmoniza as funções das instituições oficiais de crédito com o desenvolvimento regional, e o artigo 165, parágrafo sétimo, estabelece a conformação com o plano plurianua...

 

::: Publicidade :::


:: Publicidade :::

 
 
 
 
EMRONDONIA.COM