Rondônia, - 13:15

 

Você está no caderno - Variedades
Variedades
Como escapar do guepardo, o animal terrestre mais rápido do mundo?
Publicado Segunda-Feira, 5 de Fevereiro de 2018, às 17:41 | Fonte BBC Brasil 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=342248&codDep=52" data-text="Como escapar do guepardo, o animal terrestre mais rápido do mundo?

  
 
 

 

A perseguição do guepardo a sua presa é uma das mais conhecidas e dramáticas batalhas na natureza selvagem.

Esse felino é o animal terrestre mais veloz do mundo, mas nem sempre a rapidez garante o sucesso de sua caçada.

Em média, um guepardo só consegue capturar seu alvo em metade das tentativas.

Qual é, então, o segredo de quem consegue escapar?

Cientistas puseram coleiras para monitorar guepardos e suas presas a fim de descobrir isso.

Os equipamentos foram criados especialmente para registrar a velocidade do animal, sua aceleração e desaceleração e quão rápido eles consegue mudar de direção.

Uma pequena amostra do seu tecido muscular foi coletada para analisar a força muscular máxima do animal.

O estudo publicado na revista Nature também faz parte do documentário Big Cats (Grandes Felinos, em tradução livre), da BBC.

“Vemos o espetáculo da caçada em documentários sobre vida selvagem, mas, aqui, estamos registrando milhares de caçadas, inclusive as que não vemos, como quando caçam à noite ou em meio à vegetação mais densa”, diz o veterinário Alan Wilson, pesquisador do Royal Veterinary College, no Reino Unido, que conduziu a pesquisa em parceria com cientistas da Universidade de Botsuana.

“Isso nos permite ter um retrato completo de como funciona uma caçada e ter um modelo computacional capaz de nos dizer como será uma perseguição e seu resultado.”

Foi assim que os cientistas descobriram que os animais que escapam de guepardos fazem isso ao dar uma guinada para o lado no último segundo.

Quanto maior a velocidade de um predador, mais difícil é para ele virar tão abruptamente. Para um animal tão rápido quanto o guepardo, que atinge até 100 km/h, essa manobra é ainda mais complexa.

“A presa define como será a caçada”, diz Winson. “Ela decide quando correr, quão rápido ela irá. Então, está sempre um passo à frente do predador.”

Com isso, o predador precisa ser mais atlético, acrescenta o pesquisador, para ser capaz de competir com a mais habilidade da presa de realizar manobras.

O guepardo tem 20% mais força muscular, uma capacidade de aceleração 37% maior e 72% de desaceleração em comparação com uma de suas presas mais comuns, a impala.

É essa capacidade de mudar de direção que permite à impala e outros animais sobreviverem mesmo sem superar o felino na corrida.

“Se a presa tenta escapar usando velocidade, faz uma péssima escolha, porque o guepardo é mais rápido e consegue acelerar mais velozmente. Fazer isso favorece o predador”, afirma Wilson.

“A melhor tática para a presa é correr relativamente devagar e virar no último momento possível.”

Cientistas atribuem essas diferenças a um reflexo da “corrida da evolução” entre presa e predador.

Em outras palavras, se os predadores fossem muito bem-sucedidos em suas caçadas, eles acabariam ficando sem ter o que caçar em pouco tempo.

 





Notícia visualizada Contador de visitasvezes




Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também em Variedades


Afinal, os neandertais foram os primeiros artistas na Terra
...


Por que resolvi me assumir homossexual aos 91 anos
...


Em “Relógio do Juízo Final”, faltam 2 minutos para o apocalipse
...


Biólogo cria flor de vidro para desvendar segredo da língua do beija-flor
...

 

::: Publicidade :::


:: Publicidade :::

 
 
 
 
EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE