Rondônia, - 17:17
Últimas Política Amazônia Ciência e Saúde Agronegócios Capital Interior
Tecnologia Religião Artigos Fotojornalismo Nacional Anuncie Fale Conosco
   

 

Você está no caderno - INTERNACIONAL
Internacional
Coreia do Sul faz seu primeiro teste com um míssil Taurus
Publicado Quarta-Feira, 13 de Setembro de 2017, às 11:00 | Fonte Diário de Pernambuco 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=335963&codDep=24" data-text="Coreia do Sul faz seu primeiro teste com um míssil Taurus

  
 
 

 

A Coreia do Sul realizou o exercício em resposta ao sexto e mais potente teste nuclear da Coreia do Norte, executado no último dia 3. Foto: Ministério de Defesa da Coreia do Sul

 

 

 

 

 


 

O Exército da Coreia do Sul informou, nesta quarta-feira (13/9), que realizou com sucesso seu primeiro exercício de fogo real com mísseis de cruzeiro de longo alcance, em uma manobra onde simulou bombardeios a instalações importantes na Coreia do Norte. O exercício foi feito ontem em Taean, a cerca de 150 quilômetros de Seul. Um caça F-15K disparou um míssil que voou 400 quilômetros e visou ao alvo em águas, perto da costa de Gunsan, disse a Força Aérea.

 

O sucesso e a precisão do exercício mostram "a capacidade do Exército de responder a um ataque inimigo, bem como de realizar ataques precisos a alvos estratégicos, mesmo de longe", disse a Força Aérea de Seul, em comunicado divulgado pela agência local Yonhap.
 

A Coreia do Sul realizou o exercício em resposta ao sexto e mais potente teste nuclear da Coreia do Norte, executado no último dia 3. O teste aumentou a tensão na península coreana e valeu ao regime de  Kim Jong-un novas sanções do Conselho de Segurança das Nações Unidas.

 

Os mísseis Taurus, desenvolvidos pelo consórcio europeu de aeroespacial e defesa Eads - o atual Airbus -, têm categoria de 500 quilômetros e alcançam velocidade de 1.163 quilômetros por hora. Essas características permitem a realização de ataques, sobretudo ao território norte-coreano, e põe qualquer alvo desse país a cerca de 15 minutos dos artefatos, se forem disparados de Seul.

 

A Coreia do Sul planeja implantar cerca de 170 desses mísseis no seu sistema Kill Chain para interceptar projéteis norte-coreanos. O país estaria também buscando acelerar a implantação para reforçar sua potência aérea diante dos seguidos testes norte-coreanos.

 





Notícia visualizada Contador de visitasvezes




Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também em INTERNACIONAL


França quer acabar com venda de veículos a gasolina ou diesel até 2040
...


Piloto que atacou Supremo da Venezuela diz que Maduro se mudou para unidade militar
...


Ataques aéreos mataram 69 na Síria desde domingo, dizem monitores
...


China envia navios de guerra para o Mar do Sul após ''provocação'' dos EUA
...

 

::: Publicidade :::



:: Publicidade :::

 
 
 
  EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE

Parceiros :::