Rondônia, - 17:37

 

Você está no caderno - CIÊNCIA E SAÚDE
Ciência e Saúde
Longos dias de trabalho podem sobrecarregar o coração, diz estudo
Publicado Domingo, 16 de Julho de 2017, às 16:06 | Fonte Noticias ao Minuto 0
https://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=332853&codDep=42" data-text="Longos dias de trabalho podem sobrecarregar o coração, diz estudo

  
 
 

 

© DR

 

 

 

 

 

Vários estudos já concluíram que trabalhar por turnos e durante muitas horas aumenta o risco de AVC. Agora, um novo estudo aponta que as pessoas que trabalham mais de 55 horas por semanas têm 40% mais risco de sofrer de batimentos cardíacos irregulares – condição chamada fibrilação atrial - do que as pessoas que trabalham as usuais 35 a 40 horas semanais.

O principal autor do estudo, professor Mika Kivimaki, do University College London, diz: "Estas descobertas mostram que as longas horas de trabalho estão associadas a um risco maior de fibrilação atrial, a arritmia cardíaca mais comum.”

A fibrilação atrial, como explica o jornal The Guardian, acontece porque os impulsos elétricos naturais que controlam o ritmo regular do coração perdem a sua coordenação. As pessoas que sofrem desta condição podem ter palpitações – a sensação de pulso acelerado ou irregular - e sentir-se ofegantes e tontas. A fibrilação atrial pode levar ao AVC, à insuficiência cardíaca e à demência.

Para este estudo os pesquisadores analisaram informação sobre os padrões de trabalho e a saúde de 85.494 homens e mulheres, a maioria na meia idade, do Reino Unido, da Dinamarca, da Suécia e da Finlândia.

 








Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também em CIÊNCIA E SAÚDE


Ministro da Saúde visita o Hospital de Amor da Amazônia
O ministro da Saúde, Gilberto Occhi visitou na manhã desta segunda-feira (18) as instalações do Hospital de Amor da Amazônia. Vinculado ao antigo Hospital do Câncer de Barretos o HAA teve a sua pedra fundamental lançada, em janeiro de 2015....


Doação de sangue cai 90% em Rondônia
Conforme explica a médica hematologista da Fhemeron, Ana Carolina, a situação pode se agravar nos próximos dias caso o cenário for mantido. Ela ressalta a urgência em coleta de sangue dos tipos O, A e B negativo...


Sobe para 3 o número de mortes confirmadas por raiva humana no Pará
Dois novos casos foram confirmados nesta terça-feira, 22, após exames. Vítimas são crianças....


Gravidez pode afetar visão da mãe e do bebê
...

 

::: Publicidade :::


:: Publicidade :::

 
 
 
 
EMRONDONIA.COM