Rondônia, - 05:08
Últimas Política Amazônia Ciência e Saúde Agronegócios Capital Interior
Tecnologia Religião Artigos Fotojornalismo Nacional Anuncie Fale Conosco
   

 

Você está no caderno - Rondônia
LEGISLAÇÃO
Com regularização fundiária, Rondônia duplicará sua riqueza em cinco anos, diz governador Confúcio
O governador Confúcio Moura disse que o Estado de Rondônia duplicará sua riqueza em cinco anos no momento em que regularizar totalmente as pequenas e médias propriedades rurais.
Publicado Sábado, 7 de Janeiro de 2017, às 06:03 | Fonte Secom - Governo de RO 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=319577&codDep=34" data-text="Com regularização fundiária, Rondônia duplicará sua riqueza em cinco anos, diz governador Confúcio

  
 
 

Em junho de 2016 foram entregues títulos rurais em Theobroma

 

O governador Confúcio Moura disse que o Estado de Rondônia duplicará sua riqueza em cinco anos no momento em que regularizar totalmente as pequenas e médias propriedades rurais. Ele anunciou que irá articular alterações na Medida Provisória 756, de 23 de dezembro de 2016, que dispõe sobre regularização fundiária e urbana em todo o Brasil, para que o trabalho do programa federal Terra Legal tenha mais agilidade.

 

“Não fiquei muito satisfeito com a MP. Por isso vou trabalhar com alguns ajustes no Congresso Nacional. Neste mês pretendo ter uma audiência com o presidente do Senado, Renan Calheiros, para pedir que escolha um relator da MP sensível às alterações. Com a mudança, vamos, com absoluta certeza, dar um salto incrível no estado, nos próximos dois anos”, disse Confúcio Moura, após participar do ato de hasteamento da bandeira do estado, na manhã dessa quarta-feira (4), quando Rondônia completou 35 anos de instalação como estado.

 

Confúcio Moura disse que existem impedimentos na regularização fundiária que passam por conflitos entre o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e o Terra Legal. “Queremos facilitar o trabalho do Terra Legal. Têm impedimentos na regularização, que são as chamadas cláusulas resolutivas envolvendo documentos antigos que o Incra expedia. Eliminando essas cláusulas, com certeza a regularização fluirá mais, iremos reduzir as ações judiciais, as quais serão devolvidas para área administrativa. Aí vamos resolver muita coisa”, afirmou.

 

O governador lembrou como um componente diferenciado e que “nenhum outro estado brasileiro tem” a existência de cerca de 100 mil pequenas e médias propriedades rurais, que amplamente documentadas favorecem os indicadores sociais e econômicos de Rondônia.

 

“Vamos reduzir o crime, a violência rural, os conflitos agrários e aumentar a riqueza, o patrimônio, o recurso de captação nos bancos e aumentar a produção”, avaliou, acrescentando que a agricultura familiar deve ser estimulada porque é fonte de produção de alimentos no dia a dia e geradora de emprego para muitas pessoas.

 

 

Fonte

Texto: Mara Paraguassu

Fotos: Esio Mendes

Secom - Governo de Rondônia

 








Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também em Rondônia


Após sorteio de endereços, Futuros moradores do Cristal da Calama vão vistoriar imóveis
Cerca de três mil pessoas se aglomeraram, nesta terça-feira(27), na sede do sindicato dos servidores da prefeitura da capital, no bairro Tiradentes, para participar do sorteio dos endereços dos imóveis dos residenciais Cristal da Calama I e II....


Mais de 6 mil ciclistas são esperados na largada do Bike Trilha Ecotur domingo em Guajará-Mirim
...


Rondônia tem mais de 600 mil dependentes químicos; especialista alerta para os cuidados com os jovens
O lamento familiar foi a tônica da abertura solene do Seminário de Enfrentamento ao Uso Indevido de Álcool e Outras Drogas, do governo de Rondônia, na noite de terça-feira (28), no Teatro Estadual Palácio das Artes, em Porto Velho. ...


Seduc contrata 29 professores para escolas indígenas criadas após o concurso público de 2016
A Secretaria Estadual de Educação contratou 29 professores em caráter temporário, para atender escolas em aldeias indígenas criadas após o concurso público de 2016. ...

 

::: Publicidade :::



:: Publicidade :::

 
350x90
 
 
  EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE